Representações sociais do álcool entre estudantes universitárias brasileiras

Kairon Pereira de Araújo Sousa, Emerson Diógenes de Medeiros, Ludgleydson Fernandes de Araujo, Raquel Pereira Belo

Resumen


Esta pesquisa teve como objetivo identificar as representações sociais de estudantes universitárias de uma Instituição de Ensino Superior (IES) pública, localizada no estado XX, Brasil, acerca do álcool. Participaram do estudo, 100 estudantes com matrícula ativa nesta instituição. Foram utilizados o Teste de Associação Livre de Palavras (TALP) e questionários. Para a análise de dados, utilizou-se o IBM SPSS, versão 21, e a Técnica de Redes Semânticas. Os resultados apontaram diferenças entre as universitárias que não consomem álcool e aquelas que utilizam a substância, na forma como representam o álcool. O primeiro grupo objetivou o álcool, enfatizando os problemas psicossociais decorrentes de seu consumo, enquanto que o segundo retrata as sensações prazerosas proporcionadas pelo uso da bebida alcoólica. Conclui-se, que tais representações repercutem na relação destas jovens com o álcool, guiando seus comportamentos no tocante ao uso ou não da substância.


Palabras clave


Álcool; Estudantes Universitárias; Mulheres; Representações Sociais

Texto completo: PDF (Português (Brasil))